Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Tudo de novo a Ocidente

UMA ORQUÍDEA PARA FESTEJAR A PRIMAVERA COM UM DESEJO...

A mudança da hora é hoje. Quando algo se altera quase sempre há divisão de opiniões. Em termos práticos começam os dias grandes, quanto mais tempo o Sol nos iluminar tanto melhor. Viver no presente é difícil e complexo. Os problemas que nos apoquentam são em grande parte resultado da liderança do mundo, ter sido conquistada por lideres de inteligência reduzida, apetência desmedida para a pilhagem e desrespeito dos cidadãos e também da natureza.

As árvores curvam-se às fortes ventanias próprias da Primavera, a envolvente natural renova-se. Para quem acredita que a luta pelos direitos da cidadania nunca se esgota, incumbe continuar a pugnar com firmeza para sermos governados com equidade  e JUSTIÇA.

Em Portugal as entidades responsáveis pelos "males" que sofremos, não foram ainda justamente punidas, quem governa deve satisfazer as aspirações do Povo garantindo um presente digno.

Tenhamos todavia confiança!  Iremos ultrapassar esta difícil situação. Com sincero desejo que isso aconteça, deixamos uma orquídea em pleno crescimento num cantinho de Sintra na Rinchoa. "Na China antiga, as orquídeas eram associadas às festas da Primavera, onde eram utilizadas para expulsar as influências perniciosas" (Chevaleier e Gheerbrant, 1982).

Oxalá  estes funestos tempos que vivemos, com empenho de todos e a "ajuda" do carácter benéfico da ORQUÍDEA terminem depressa...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Curiosidades sobre o autor

Comentários - Alvor de Sintra

Quadros para crianças

Sites e Blogs de Interesse

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D