Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tudo de novo a Ocidente

TOPONIMIA SINTRENSE - GALAMARES

No seguimento do que temos referido em anteriores apontamentos decifrar o significado e origem dos topónimos, é  tarefa que requer, não só estudo mas também a observação do local. Nem sempre esse procedimento é seguido  pelo que as explicações encontradas carecem de fundamento. Assim, atribui-se à lenda ou a outras fantasiosas ocorrências o aparecimento do nome dum sítio, sem preocupação de questionar o facto, vejamos o caso de GALAMARES perto de Sintra.

O Visconde de Juromenha, no seu livro "Cintra Pinturesca" refere: "pretendem que o nome de Gallamares seja vocábulo corrupto de Alaga-Mares por chegar antigamente a maré a este sítio e alagar-se na sua enchente o vale". O  autor escreveu "pretendem", sinal evidente das suas dúvidas. Seguindo a metodologia proposta, a nossa interpretação é a seguinte:

Desde tempos imemoriais em Sintra e no seu termo  abundava   caça, nomeadamente, cervos, uma das antigas  designações para os   veados. Em Portugal, vulgarmente, aqueles eram conhecidos por Corços ou gamos. Os especimes mais pequenos, conforme o Dicionário Houaiss, têm o nome de gamela (pequena corça). Estes animais viviam nos bosques e alimentavam-se nos prados circundantes. Em Sintra habitavam na serra, descendo para varzea de Galamares onde dispunham de pasto e água. A  caça ao corço era feita a cavalo, dificil nas penedias serranas pelo teria de realizar-se em terreno menos acidentado,no sopé da montanha. Ainda de acordo com o livro citado, no foral de Sintra de 1154 aparece o rio Gallomar, o vocábulo galamar deriva de "gamelar", antes da fixação da tradição oral num texto escrito a pronuncia do LÊ e do MÊ por serem identicas modificou algumas  palavras, durante muito tempo simplesmemte "ditas". São conhecidos topónimos relacionados com a abundancia de  animais para caçar: coelhal, raposeira, lebres, vale das porcas, vale de lobos vale das rolas, cerveira, etc. Nos gamolares ou gamelares caçavam-se  gamos e corços. O rio gallomar era o Rio dos Gamos ou dos veados.

No concelho de Sintra encontramos topónimos de origem arabe com o prefixo AL, nesta perspectiva teremos de admitir a possilidade de galamares ser  ALGAMARES isto é o sítio dos gamos. Deste modo Galamares significa local onde  abundam gamelas ou corças ; um gamelar ou melhor os gamelares da vila.

Saudemos o Rio dos Gamos,  deixemos de lado qualquer alagamento, ainda por cima se a água do mar chegasse alii, teria  tornado a terra estéril por causa do sal, felizmente, o solo desta região sempre foi conhecido pela sua fertilidade. 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Curiosidades sobre o autor

Comentários - Alvor de Sintra

Quadros para crianças

Sites e Blogs de Interesse

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D