Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tudo de novo a Ocidente

AS VINHAS DO ALGARVE NO OUTONO

Quem diria…

A ocidente as novidades não cessam de nos surpreender…

 

O senso comum associa certas imagens a um determinado contexto geográfico. Em Portugal, se pensarmos no Outono e nos vinhedos, o pensamento dirige-se para o Douro, Bairrada e Alentejo, onde se encontram, a maioria das vinhas do país. É uma apreciação redutora das cores do Outono matizado pelas folhas das videiras.

No Algarve, que significa “Ocidente" em Árabe, porque era o oeste do Andaluz medieval, o Outono também origina paisagens de grande beleza, onde as parras vão mudando de cor e enfraquecendo até que os ventos fortes do Inverno as lancem ao chão.

O Algarve é uma região adequada à produção do vinho, infelizmente, durante séculos as suas vinhas foram perecendo até que em meados do século XX com a constituição de adegas cooperativas, se iniciou um lento mas consolidado processo de recuperação dos vinhos algarvios.

Nos nossos dias, as áreas de Lagos, Portimão, Guia e sobretudo em Lagoa, é possível encontrar explorações agrícolas que laboram vinhos de qualidade. Uma das melhores vinhas do Algarve propriedade de um conhecido cantor pop inglês está plantada, na freguesia da Guia, concelho de Albufeira produzindo os vinhos para a adega do cantor.

É uma vinha com dezenas de hectares disposta numa colina, virada ao oceano, além de bom vinho oferece-nos um quadro outonal que muitos não imaginam possível no Algarve.

Sob o luminoso e azul céu algarvio o Outono é também uma estação esplendorosa.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Curiosidades sobre o autor

Comentários - Alvor de Sintra

Quadros para crianças

Sites e Blogs de Interesse

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D