Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Tudo de novo a Ocidente

Depois do "golpe"Regresso a Casa dos Revoltosos

A revolta militar de 28 de Maio 1926,instaurou uma ditadura, depois "transformada " com a Constituição Politica de 1933,no regime totalitário do Estado Novo, liderado por António de Oliveira Salazar, professor da Universidade de Coimbra.

 Causas da rebelião, a grave crise económica e política do regime parlamentar, e também  "ameaça" do programa de governo de Álvaro de Castro , que pretendia reduzir o efectivo do exército, com intuito de diminuir drasticamente a despesa do Estado.A medida não poderia ser aceite pelos militares, receosos de caírem no desemprego que grassava por todo o País.

Com origem na conservadora e católica cidade de Braga, "Roma portuguesa", a rebelião teve desde  inicio  apoio incondicional do clero e  hierarquia da Igreja.

Completada a tarefa de derrubar  regime democraticamente eleito, mas sem apoio firme da população que sofria grandes carências,os militares regressaram ao Minho.

A estação onde se concentrou o material e tropas , foi a do Cacém linha do Oeste, e concelho de Sintra.

Na imagem observar-se moinho de vento , que  "laborava" no alto do Cotão. Curiosamente o "chalé Palmeira" já existia, preservado no âmbito do programa "Cacém Polis", continua a emoldurar  a baixa do Cacém.

 Tropas e material de guerra, seguiram através da ferrovia até a estação da Pampilhosa, depois pelas linhas do norte e Minho, voltaram aos quartéis. 

O povo português nesta data passou a ver a democracia por um "canudo". Outros militares em 25 de Abril de 1974,restauraram o regime democrático. Diga-se em abono da verdade , a República implantada em 5 de Outubro de 1910, nunca esteve em causa. Os rebeldes do 28 Maio eram antidemocráticos, mas sem dúvida republicanos.

PT-TT-EPJS-SF-001-001-0003-0994A_derivada.jpg

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Curiosidades sobre o autor

Comentários - Alvor de Sintra

Quadros para crianças

Sites e Blogs de Interesse

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D